foto Eduardo Ramos (2)
Neto Sier e Almeida Júnior em cena (Foto: Eduardo Ramos)

A Companhia Teatral Acontece, que este ano comemora 15 anos, apresenta gratuitamente neste sábado, 3 de junho, no Cuca Jangurussu, às 18h30, o espetáculo ‘Relato Final’. A montagem surgiu de uma pesquisa sobre como as pessoas se sentem depois de terem passado por uma experiência de morte de seres amados.

A direção foi feita de forma colaborativa, onde o artista Felício da Silva trouxe seu olhar de fora da cena e Almeida Júnior e Neto Sier com os olhares de dentro da cena em grandes debates resolveram as situações cênicas. Felício da Silva também assina os figurinos e a direção de arte. A maquiagem é de Caio Mayrinky e a fotografia é de Eduardo Ramos.

Enredo
A vida nos dá uma única certeza, mas não sabemos lidar com o desconhecido. A Senhora Morte, parece não se preocupar muito com as questões individuais das pessoas que a testemunham. Indignado, um jovem rapaz com sua alma prestes a trilhar sua jornada espiritual, decide afrontar a Senhora que finda os destinos. Altivo, o jovem desfere acusações e certezas a quem acabara de conhecer, no ímpeto de seus devaneios por não aceitar sua condição a Morte o acolhe. Nem tudo está perdido, sempre há esperança no coração de quem vive.

Além de filmes e livros, os atores da Cia. Teatral Acontece também se debruçaram em uma pesquisa de campo no qual duas perguntas eram feitas aos amigos e conhecidos. A primeira foi: qual sua sensação ao perder essa pessoa? E a segunda: se essa pessoa pudesse voltar o que você falaria ou faria pra ela que você não falou em vida?

“As respostas eram, na maioria das vezes, bem emocionantes e foi com essa emoção que começamos a fazer improvisação baseado nos relatos das pesquisas. Após as improvisações, fizemos uma seleção de cenas que pudessem mesmo parcialmente responder as duas perguntas que fizemos aos nossos entrevistados, assim Neto Sier partiu para costurar a dramaturgia do espetáculo. Após definida a dramaturgia, fizemos uma pesquisa fundamentada na cultura oriental, visto que eles dialogam melhor com o tema da morte mais do que no ocidente”, conta o diretor e ator, Almeida Júnior.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Debutante
Com esse espetáculo, que estreou em 5 de maio no Teatro Sesc Emiliano Queiroz, a Cia. Teatral Acontece iniciou as comemorações de 15 anos de atividades na cena cearense e os 20 anos de carreira do seu idealizador Almeida Júnior. Além deste espetáculo, a Cia. Teatral Acontece estará no segundo semestre com uma intensa atividade comemorativa, dentre elas a realização da XIV edição do Festival de Esquetes da Cia. Teatral Acontece em julho, durante o evento também será lançado o livro de 15 anos do Curso de Iniciação Teatral Acontece-CITA, intitulado ‘Fazendo História no Ceará – Curso de Iniciação Teatral Acontec’e, que faz parte da pesquisa de Almeida Júnior para sua formação no Curso de Licenciatura em Teatro do IFCE.

Serviço:
Espetáculo Relato Final
3 de junho – 18h30
Cuca Jangurussu (Av. Gov. Leonel Brizola, S/N, Jangurussu)
Entrada Franca
Classificação Indicativa: 10 anos
Mais informações: (85) 98865-8687
Fanpage: www.facebook.com/companhiateatralacontece